Deputado Wellington participa de Assembleia Geral do Sindicato dos Policiais

jpgNa tarde desta sexta-feira (11), o deputado estadual Wellington do Curso (PPS) participou de Assembleia Geral com policiais civis e membros do Sindicato da categoria. Também esteve presente o deputado estadual Junior Verde (PRB). A Assembleia aconteceu no auditório da Associação Comercial do Maranhão e discutiu sobre o posicionamento do Governo do Estado de não fornecer tabelas remuneratórias escalonadas, a fim de amenizar o “abismo salarial” entre os cargos da Polícia Civil.

Na ocasião, Wellington, que desde o mês de agosto sugeriu que o governador encaminhasse as tabelas remuneratórias, enfatizou seu apoio aos servidores públicos do Estado e, em específico, à defesa incondicional da Segurança Pública do Maranhão.

“Por saber da importância da função desempenhada pela Polícia Civil e ante o indicativo de greve, solicitei, no dia 25 de agosto, que o Governador do Maranhão estabelecesse o diálogo com a Polícia Civil e pudesse, então, encaminhar Medida Provisória à Assembleia, contendo tabelas remuneratórias escalonadas, com o objetivo de se reduzir a disparidade salarial existente entre os cargos da Polícia Civil, em específico os investigadores, escrivães, auxiliar de perito, comissários, entre outros. Infelizmente, a Gestão Estadual, por alguns fatores, sinaliza que não encaminhará as tabelas remuneratórias, o que enfatiza a instabilidade em que a Segurança Pública se encontra em nosso estado. Estou sim na base do Governo, mas o meu compromisso em defesa ao servidor público se sobrepõe a qualquer gestão. Pautado na moralidade e na defesa da Segurança Pública, reafirmo o meu compromisso em defesa não de meras compensações salariais, mas em defesa daqueles que muito fazem pela sociedade: os servidores públicos”, declarou.

Durante a reunião, os policiais relembraram o compromisso firmado pela Assembleia Legislativa do Maranhão de condicionar a votação da LOA à inclusão das tabelas remuneratórias escalonadas. Finalizando-se a Assembleia Geral do SINPOL, deu-se início à votação de qual seria o encaminhamento. Ante quatro propostas, sendo uma delas a continuidade da greve geral, os servidores públicos optaram pela realização de outra Assembleia, que acontecerá na próxima sexta-feira (18), para só então decidir pela paralisação total da polícia civil.

Comentários

Contato

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Enviando

©2020Deputado Estadual Wellington do Curso

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?